• Lucão

Ano novo, criatividade nova




Não poderia ir embora desse ano sem desejar a vocês um ano novo melhor e diferente.


Foi um ano duro, tivemos que mudar a forma de interagir com o mundo, com as pessoas... Tivemos que nos cuidar muito mais. Perdemos pessoas queridas, nos distanciamos preventivamente de outras. Tivemos que modificar a forma de estar presente.


No meio desse caos, ainda tivemos que tocar a vida. Foi um ano duro.


O alívio é que já é um fato, é real que o ano que vem será melhor, com vacina, com proteção... Vamos ter um ano melhor, sem dúvida. É o meu desejo, mas também é o que vai acontecer: será melhor. E diferente.


Eu proponho, já que o ano já vai ser melhor, que você dê uma chacoalhada, daquelas das boas, de revirar a vida, ir por novos caminhos.


Esse é o caminho da criatividade. Uma dificuldade nos faz pensar mais e mais e mais até encontrar novas saídas, novos rumos, novos destinos. Já que o ano já vai ser assim, que tal promover isso internamente também?


Estou falando simplesmente da criatividade, mas você pode dar a chacoalhada que puder e quiser. Aproveite a virada para isso, virar uma chave, abrir novas portas.


Minha dica para um ano diferente a partir da criatividade é mudar a forma de ver. Olhar mais, ouvir mais, buscar as histórias que acontecem o tempo todo ao redor de você. Observe com calma, com tempo, absorva, pense sobre e, por fim, escreva. Escreva o que você está enxergando nesse mundo dos detalhes.


A proposta é essa, de ser mais criativo a partir de um olhar mais calmo e atento. Veja a vida acontecendo, as histórias que não deixam de existir, mesmo num espaço restrito, limitado... Observe, pense, escreva.


Esse é o modo de agir das pessoas que chamamos de "criativas". Seja essa pessoa mudando o olhar, observando mais. E escrevendo sempre, exercitando essa habilidade tão bonita e fundamental pra gente continuar "enxergando" bem. Escreva o que você vive e viva mais suas histórias.


Esse é o meu desejo pra você em 2021. Estamos juntos. E se precisar de apoio, você sabe onde estamos: aqui, nos cursos, nos encontros, nas trocas. Conte comigo e com o Instituto Mola.



26 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo